Skip to content Skip to footer

Libertas Coletivo de Artes

O coletivo foi criado em 2019 e reúne artistas de diferentes linguagens que produzem Artes em Minas Gerais e no mundo, através de uma rede colaborativa vibrante. Com estilos e temáticas diversificadas, o grupo defende a liberdade de criação e expressão, levando a arte para além das fronteiras geográficas e conceituais.

Por Ana Paula Costa

O desejo de alguns artistas de não depender do mero acaso para se encontrar, demorou cerca de um ano para se concretizar.

A gênese do Libertas Coletivo de Artes remonta ao fim do coquetel de encerramento da exposição “Entre amigos”, realizada no dia 05 de Janeiro de 2019, na Casa Lima D’artes, do artista e galerista Carlos Macedo, em Belo Horizonte. Diante da inquietação que emergiu das falas nesse dia, Gilberto de Abreu, Lorena Mascarenhas, Ana Paula Costa resolveram marcar um encontro no sábado seguinte, na casa de Gilberto, a fim de afinar o discurso em comum e unir forças para enfrentar o ano turbulento que se prenunciava para as artes, de forma séria, estruturada e, sobretudo, amigável.

Foi montado um grupo de WhatsApp que configurou a primeira “rede” de contatos, contando inicialmente com 11 artistas*. Ao longo de cinco dias essa participação saltou para cerca de 100 participantes, em uma ação viral. A reunião ocorreu com a presença de mais de 30 artistas**, em um clima descontraído, onde cada um se apresentou e falou brevemente sobre suas experiências e expectativas.

Formaram-se comissões de trabalho, com pessoas dispostas a organizar e colaborar. Falou-se sobre troca de saberes e expertise, alternativas para a comercialização de obras de arte, políticas culturais e sobre a necessidade de ampliar a visibilidade nacional e internacional para a arte produzida em Minas Gerais, entre outros assuntos. Abreu Abriu foi o nome adotado pelo coletivo em uma página criada no Facebook.

Depois o grupo elegeu o nome Libertas, por meio de discussões e votações. No primeiro encontro também foi formada uma comissão de teóricos***, para a elaboração de um manifesto. Foram constituídos um Grupo Administrativo**** e um Conselho Administrativo. Desde então muitas outras pessoas se apresentaram como colaboradoras em várias áreas e atividades, oportunidades estão sendo compartilhadas e subgrupos surgiram para realização de eventos colaborativos.

Cinco meses após sua gênese, o grupo de WhatsApp conta com cerca de 150 participantes, oscilando a cada semana com entradas e saídas de artistas. Foram criados no Facebook uma página oficial e um grupo fechado, que funciona como coworking, onde os artistas criam álbuns onde postam fotos dos seus trabalhos e realizam trocas de ideias e colaborações.

Curadores, colecionadores, arquitetos e designers de interiores também visitam o grupo eventualmente. No Instagram foi criado um perfil para divulgação de atividades e obras artísticas. Apostando na força das redes colaborativas, o Libertas Coletivo de Artes cresce a cada dia e possui uma potência gigantesca, celebrando valores como solidariedade, diversidade e liberdade de expressão, difundindo as Artes em variadas formas e linguagens.

A história deste coletivo é um work in progress.

*Grupo de 11 artistas – Agnaldo Pinho, Ana Paula Costa, Carlos Macedo, Hogenério, Gilberto de Abreu, Iara de Abreu, JB Maciel, Juarez Dias Costa, Léo Maciel, Lorena Mascarenhas e Márcio Silva.

**Grupo de 30 artistas – Artistas presentes no primeiro encontro para formação do coletivo:
Agnaldo Pinho, Ana Maria Esteves, Ana Paula da Costa, Branca B.M.Dawood, Carlos Macedo, Celina Lage, Du Flausino, Dito Passos, Dulce Assunção, Ester Figueiredo de Oliveira, Faris Dawood, Gilberto de Abreu, Gui Mazzoni, Henrique Piantino, Higino de Almeida, Hogenério, Joseph John, Lax Aiala, Lorena Mascarenhas, Luando de Abreu, Lucilene Bredoff, Marcio Siva, Nadu Soares, Pedro Eustáquio, Raquel Roscoe, Rafael Abreu, Ricardo Lemos, Rodrigo Eloi da Silva Batista, Simone Von Randow, Simone Zanol

***Comissão de Teóricos – Ana Paula Costa, Celina Lage, Gedeon Messias, Lucas Amorim, Simone Von Randow.

****Grupo administrativo – Gilberto de Abreu, Olister Barbosa, Mila Castanheira, Rafael de Abreu, Celi Ferreira, Ana Maria Guimarães.

*****Conselho Administrativo – Gilberto de Abreu, Rafael Abreu, Lucas Amorim, Robson Emerick, Renan Florindo.

Libertas coletivo de Artes

O Libertas Coletivo de Artes cresce a cada dia e possui uma potência gigantesca, celebrando valores como solidariedade, diversidade e liberdade de expressão, difundindo as Artes em variadas formas e linguagens.

0
Pinturas
0
Artistas
0
Esculturas
0
Artesanato
0
Galerias
0
Imagens

Welcome To Ozeum Art And
History Museum

Not only the outstanding quality of the collection, but also our high level of activity in the areas of research, exhibitions and education guarantee the Ozeum prominent position in the international museum landscape.

Coordenação Libertas

Olister Barbosa

Artista / Colaborador

Ana Maria Guimarães

Artista / Coordenação

Rafael Abreu

Artista / Administração

Cely Ferreira

Artista / Coordenação

Mila Castanheira

Artista / Coordenação

Raquel Lima

Artista / Coordenação

Renan Florindo

Artista / Coordenação

Gilberto de Abreu Barbosa

Artista / Coordenador

Lucas Amorim

Teórico / Coordenação

Robson Emerick

Artista / Coordenação